sábado, 4 de outubro de 2008

AJUDAR O QUE SOFRE

"Sofre-se muito neste mundo e todos nós sofremos ao ver os outros sofrer. E sofremos até porque lhes queríamos arranjar uma solução e não sabemos onde está, nem como encontrá-la. Mas quem sofre, a maior parte das vezes, mais do que uma solução, só quer partilhar a sua dor, ser ouvido e apreciado, acompanhado. Não é estranho que seja dessa ajuda, que todos podemos dar, que a maior parte de nós foge?" (Vasco Pinto de Magalhães, s.j. in "Não há soluções, há caminhos")

1 comentário:

Éverton Vidal disse...

Como sempre eu aprendo com esses textos-pílulas (porque sao pequenos e eficazes) que leio por aqui.

Quando sofro, nao quero muitas vozes, quero ombro e ouvidos.
Abraço.
Inté.